Delegado Resende denuncia possível fraude de dispensa de licitação na Saúde de quase 1,2 milhões

O Delegado Resende denunciou mais uma vez, o descaso e um possível desviu de recurso público no município de Carpina. Desta vez, a prefeitura dispensou a licitação de uma empresa hospitalar que ocupa um endereço de depósito duvidoso.  A denúncia foi feita na manhã desta quinta-feira (02).
Segundo o vereador, a Secretaria de Saúde de Carpina, ocupada pela filha do prefeito Manuel Botafogo ( PDT) teria dispensado uma licitação de cerca de R$  1.115.637,55. A denúncia teria sido feita no programa “Carpina Online/Blitz do Resende” na Rádio Alternativa, e logo em seguida, as mídias alternativas ( Blogs da Mata Norte e de Recife) teriam propagado a notícia que viralizou na internet.
No final da tarde, Resende foi pessoalmente investigar a localização de uma das empresas, que de acordo com o endereço que consta na certidão da Receita Federal, deveria localizar-se no KM 76 da BR-408, a empresa Depósito Geral de Suprimento Hospitalares Ltda, no entanto, nenhum vestígio de empresa foi encontrado neste endereço. Desta forma, o delegado esclareceu que por se tratar de contrato que envolvia quase 1,2 milhões, a licitação jamais deveria ter sido dispensada e o depósito deveria ser de grande porte.
Ainda segundo o vereador, uma das sócias desta empresa que não  foi encontrada no referido endereço , atua em Petrolina, na Clinica de Avaliação Psicológica de Petrolina Ltda.
PERNAMBUCO CONECTADO

Postar um comentário

0 Comentários